4 de dez de 2009

Em país de primeiro mundo temos um sistema bancário de mundo sem número, porque seria vergonhoso demais colocar um número, seria lá pelo décimo alguma coisa...
Enfim, aqui na Irlanda, uma coisa que chegou agora como tecnologia do futuro é o cartão laser, ou seja, o cartão de débito. Sim meu amigo, cartão de débito não existia nos lados de cá, pelo menos até uns... sei lá, seis meses atrás... talvez menos.
Quando abri minha conta no banco achei o máximo que não se paga manutenção de conta, muito menos se paga por extrato. Pode-se tirar quantos quiser. Porém, as pessoas que já possuem conta, não tem o laser, e para conseguir um, tem que ter movimentação de conta por não sei quanto tempo, não sei de que valor também... Enfim, é uma burocracia do cão para uma coisa que no Brasil, país de terceiro mundo, é banal.
Mais uma coisa absurda, quando você faz um depósito, você apenas coloca a grana dentro de um envelope e joga em um buraco negro, e reza para que o cidadão que abre o envelope conte certo sua grana. Um dia depois está lá o dinheiro.
Extrato bancário? O primeiro demora uma semana, chega em sua reidência. Mas o que é isso??? Nem talão de cheque vai em casa mais. É tudo online, tudo no caixa automático.
Ah, outra coisa, em caixa automático você pode apenas sacar, não pode tirar extrato ou fazer outras transações que estamos acostumados no Brasil...

Bem vindo à Europa!!!!

Nenhum comentário: