20 de ago de 2013

.
.
.

lembro de folgas passadas, em um dia da semana qualquer onde acordava cansada, com a cara amassada, pegava um café forte, um roupão peludo e sentava no chão da sacada para tomar banho de sol

tinha o rosto corado
o coração aquecido
o paladar aguçado

sol abençoado, que nunca mais passou despercebido.

.
.
.