21 de jun de 2010

finais de semana no Brazil!




sim, no com z mesmo... vivenciando o que há de melhor do meu Brasil mesmo de tão longe.
aproveitando os jogos, as músicas de mpb e os chorinhos que tanto me fazem lembrar de onde vim.
os amigos não são os mesmos, o calor do verão é mais fraco mas a energia é sempre positiva.
alegria contagiante que faz com que todos queiram saber onde andam os brasileiros da Irlanda.
a alegria que se espalha e inspira até os mais frios e reprimidos, que anima qualquer situação e nos faz esquecer qualquer canseira e estresse. aquela alegria que não tem limites, que não maltrata e nunca acaba.

é triste e vergonhoso lembrar das minhas palavras quando cheguei aqui, que queria ficar longe dos brasileiros, que queria conviver com gente diferente e praticar o inglês.
tem tanta gente fluente em inglês e nunca tirou os pés do Brasil, porque eu precisaria me afastar deles aqui?
por que abandonar meu povo, o povo que me apoia e que está sempre ali para o que der e vier?
nunca vi um estrangeiro se compadecendo da nossa saudade, pois ele nem sabe o que real significado dessa palavra.
nunca vi um estrangeiro dar palavras de apoio ou um abraço despretencioso
fazer um carinho ou apenas ouvir um desabafo com a devida atenção
não dá para generalizar (eu sei!), mas é a maioria é assim...

Orgulho de ser brasileira!

Um comentário:

Edu Giansante disse...

oi cris, eu sempre tive essa filosofia de se "afastar" de brasileiros. entre aspas porque "afastar" nao significa ignorar ou deixar de sair com eles. mas tentar criar uma vida aqui. sempre passo ótimos momentos com os brasileiros que conheco e sao eles os melhores amigos, com quem mais me identifico e compartilho idéias. mas quem opta em ter novas experiencias em uma viagem de intercambio (que geralmente vai durar só 1 ano em toda essa sua vida), precisa considerar conhecer outras pessoas, andar com outras pessoas e vivenciar outras coisas. voce teve 20 e poucos anos ao lado de brasileiros, compartilhando alegrias e saudades. porque ser egoista e nesse único ano fora do brasil, continuar com brasileiros? nao é abandono de sua cultura, mas abertura pro novo, por um curto espaco de tempo, que vai te fazer valorizar tudo que voce esta valorizando agora, mas lá no brasil.