17 de nov de 2010


ser forte... é difícil né quando todo mundo fica nos cobrando isso.
cobranças sempre chegam a nós de maneiras brutas, mas o que é ser forte mesmo?
é aguentar maus tratos de chefe, mau humor de cliente, chuva todos os dias, estar sempre correndo contra o relógio e sempre quebrando o cofrinho, sempre dando força aos próximos mesmo sabendo que é difícil, levar tombo e se levantar rapidinho, conseguir rir das próprias tristezas, segurar firme a saudade e não se abalar com os objetivos ainda não alcançados?
se isso é ser forte, então muitos de nós somos, afinal, quem não passa por isso? e tem aqueles que passam por coisas piores e continuam lá, de pé!
o "ser forte" depende do ponto de vista de cada um. acho que esses problemas diários são coisas tão comuns que podemos tirar de letra, desde que queiramos isso.
pra mim, ser forte é nao deixar que as pessoas de fora interfiram nas nossas vidas, é não se abalar com as maldades alheias, não se magoar com uma mentira que nos afeta, não odiarmos quem nos fez algum mau, é não guardar aquele sentimento de dor por alguém que só brincou com a gente, ou daquele chefe que simplesmente nos mandou embora do trabalho sem motivo. se forte é não guardar no peito as palavras brutas que ouvimos em alguma briga, é olhar para trás e vermos que superamos obstáculos, que estamos vivos para o que der e vier. ser forte é muito mais do que mostrar aos outros o que podemos, é mostrarmos para nós mesmos que podemos e fazemos por onde. é estarmos em paz dia após dia, é pular as barreiras e sorrir mesmo querendo chorar, é perdoar!
e mesmo assim, tem dias que até o mais forte do mundo desmorona... e aí quando isso acontece vem as cobranças: "achei que tu fosse forte"...
poxa, as pessoas nunca estão satisfeitas com quem você é.
lágrimas nem sempre são sinônimo de fraqueza! às vezes é sinal de desabafo, um desabafo silencioso que a maioria das pessoas não compreende e vem perguntar: "o que aconteceu?" e ai esse 'fraco' diz que não foi nada, que só está respirando fundo...
quem perguntou entendeu alguma coisa? provavelmente não, pois esse é o real fraco, o que nada vê, nada sente e nada compreende.

4 comentários:

Luiz Fernando disse...

Talvez a força esteja em não colocar todo o sentimento de uma vez, não criar muita expectativa sobre as coisas e as pessoas e em fazer da vida uma constante descoberta. Abç!

Taise Machado disse...

Sempre exata em cada palavra...

Vandeilson Santi disse...

muito, muito bom!!

Rosa disse...

Tenho orgulho do que tu expressa, pois são teus sentimentos.
bjus