20 de mai de 2011

bem... noticias rolam pelo mundo a fora, e todo mundo está careca de saber que a rainha Elizabeth II passou uns dias aqui em dublin durante essa semana. mas o que muitos não sabem é o inferno caos que foi essa visita. (no meu ponto de vista).


essa senhorinha com cara de simpática simplesmente parou dublin. e quando digo parar, é parar mesmo. (e olha que em um ano e meio só tinha visto dublin parar em função da neve!).
durante quatro dias, a segurança de dublin contou com cerca de 8.500 policiais. e aí eu pergunto, precisava tanto?
as ruas da cidade, por onde a rainha passaria, foram fechadas e só reabertas após sua passagem. o comércio localizado nessas ruas também foram fechados.
no primeiro dia, fiquei 1h esperando a barreira abrir para eu ir trabalhar. estresse a parte, fiquei sentada comendo uma maça (porque pra matar estresse, basta comer). cheguei atrasada no trabalho, e que por consequência disso, saí mais tarde e perdi o compromisso que tinha após o trabalho.
no segundo dia fiquei presa dentro do ônibus, novamente indo trabalhar, por cerca de 15 minutos. o resultado vocês já sabem né...
no terceiro dia fiquei espantosamente feliz, não me atrasei, não tinha barreira alguma e todos seguiam seu percurso normalmente. mas como felicidade de pobre acaba rápido, tive que esperar a barreira abrir quando voltava para casa.
ironia do destino, azar ou teste de paciência... saí do trabalho mais cedo, para chegar em casa mais cedo e fazer mil coisas que tinha deixado pendente desde o início da semana. resultado: meia hora presa dentro do ônibus, de novo!!

assim como eu, centenas de pessoas ficara presas, escoradas nas grades das barreiras, muitas foram revistadas por conta de alguma bolsa, objeto ou ato suspeito, muitas pessoas não conseguiram trabalhar.
ai alguém pensa que aquele povo todo estava lá exclusivamente para ver a rainha passar dentro de um carro preto acenando como miss para todo mundo.
oi? a gente só queria atravessar o rio!!!
além de muitos protestos, algumas bombas largadas ao léu e alarmes falsos, muita gente achava essa visita totalmente desnecessária. a irlanda tem problemas com a inglaterra não é de hoje e por conta dessa visita de 'paz' as ruas de dublin foram tomadas de irlandeses revoltados protestando com cartazes (ou em casos extremos queimando latas de lixo ou qualquer coisa no meio da rua).
eu, até então não estava nem aí para ela, afinal, ela nem sabe que eu existo e ver ela, sinceramente, não acrescentou muita coisa na minha vida. no fim ferrou atrapalhou 3 dos meus dias e fez a irlanda ter um gasto estimado em 42,4 milhões de dólares em segurança. acho esse um valor um pouco grande, tendo em vista a situação financeira do país.

e para aqueles que pensavam que teriam suas vidinhas pacatas de volta após o retorno da rainha à inglaterra, se engana muito. esperemos o Obama!




Nenhum comentário: