2 de mai de 2012


ficar em emprego, sem dinheiro, sem computador, sem celular, sem familia, sem namorado... a gente ate consegue sobreviver bem. falta sempre um pedaco, mas a gente leva como da. 

nas ultimas semanas eu nao tinha cama.

parece uma coisa tao banal nao ter uma cama e dormir jogada em um canto qualquer, na cama alheia ou no sofa. mas depois que recebi minha nova cama, tive um sono mais tranquilo. agora posso dizer que estou em casa novamente. 

nada mudou... as pessoas sao as mesmas, a rotina e a mesma, mas eu tenho algo a mais. um espaco meu, onde mergulho num mundo individualista com meus pensamentos apenas.

talvez eu esteja ficando velha, ou mais exigente. ja tinha passado um mes pulando de canto em canto, mas dessa vez foi diferente. dessa vez doeu saber que estava sem rumo de certa maneira.

dormimos.

2 comentários:

Amantikir disse...

Cris,madrugada em claro acho seu blog...posts leves e ao mesmo tempo profundos.Gostei de ler.Inté!

Mr. Lemos disse...

haha! boa noite, vizinha!! que os sonhos sejam bons!
bjos